terça-feira, 26 de junho de 2012

segunda-feira, 25 de junho de 2012

domingo, 24 de junho de 2012

Dobradinha



Rato de sebo que sou, comprei um livro na última Sexta-feira.
Sabia que já tinha um livro desse autor, só não desconfiei que era o mesmo livro - também comprado em sebo, há uns doze anos atrás.



quarta-feira, 20 de junho de 2012

Livros 2012

O  quinto do ano.

A estória gira em torno de um astro do Hard Rock e sua namorada gótica. Não são personagens cativantes.

Talvez por isso a estória tenha uma certa crueza. Fiquei na dúvida se  faltou refinamento no enredo ou se foi proposital.

O personagem em sua excentricidade "compra" um fantasma... Seus problemas começam nesse momento. O fato de ser um encrenqueiro nato o alavanca para resistir ao morto.

Tem algumas passagens curiosas, como a de seu secretário, que liga dizendo estar perdido e não se lembrar de como foi parar naquele lugar... Liga novamente para comunicar que o motivo era a de que havia se suicidado. 

Vale a leitura, mas não chega em momento algum a ser empolgante. Um nome a ser verificado, há um outro livro seu, O Pacto...


quinta-feira, 7 de junho de 2012

Vivemos no mesmo mundo, mas...

Livros 2012


Stephen King é antes de tudo um bom contador de histórias (estórias? - ainda existe esta palavra?).

Saco de ossos é um exemplo disso. Não é uma grande história/estória, não traz incômodos como narrativa de terror, como certos textos conseguem fazer (do próprio King inclusive). É uma leitura fluida, onde nos afeiçoamos com os personagens. 

O quarto do ano.