domingo, 15 de setembro de 2013

Direto do passado

Do blog antigo:


De Volta

                   Olha ele de volta,

                   Saiu garboso e elegante,
                   Tal qual um cavaleiro andante.

                   Achando que já era hora,
                   De se arriscar mundo afora,
                   De querer felicidade aqui e agora.

                   Metade do planeta cobriu,
                   Para essa moça bonita se abriu,
                   Ela brincou com sua Alma e sumiu,
                   Desse dia em diante, não mais dormiu.

                   Pensando, nessa triste jornada,
                   Que estava em uma cruzada,
                   Procurando por sua árabe amada,
                   Coitado, caiu em uma cilada,
                   Que para ele foi armada,

          À noite, ouço baixos gemidos
                   Fico nessas horas, comovido,
                   Com esse meu coração ferido,
                   Totalmente fraco e abatido.
                   Meu medo, com o acontecido,
                   É que fique para sempre embrutecido.


                   J Carlos Favoretto
                   25 Julho 2004

Da serie: Meu Coração, esse Perverso

Nenhum comentário: